4 dicas, truques e tendências de e commerce para garantir um crescimento rápido

Para aqueles que estão investindo no comércio eletrônico, a boa notícia é que a indústria está crescendo de forma constante. Apenas no ano passado, o eCommerce no Brasil subiu 10% o seu faturamento. Dados esses números de crescimento rápido, é seguro esperar um crescimento contínuo do setor. Na verdade, fontes estimam que a receita global de comércio eletrônico no varejo chegará a R$ 4,88 trilhões até 2021. No entanto, esse crescimento também traz mais concorrência para os comerciantes de comércio eletrônico. Com mais empresas de e-commerce entrando no mercado, é importante acompanhar as tendências mais recentes de comércio eletrônico, especialmente aquelas que envolvem avanços tecnológicos que estão moldando o comportamento do consumidor.

Aqui estão 5 dicas que gerou o crescimento de mais de 20% nas vendas de uma empresa que vende materiais de acetato. Leia com atenção se você quiser ficar à frente da concorrência.

Atender aos consumidores “omnichannel”

Na era digital interconectada de hoje, os consumidores estão comprando de mais de um canal on-line. Enquanto a grande maioria dos consumidores dos EUA (87%) continua comprando off-line também, de acordo com o Relatório de Compra Omnichannel de 2018, 78% relataram comprar na Amazon, 45% de uma loja online de marca, 11% no Facebook e 34% no eBay. Esses números mostram aos comerciantes de comércio eletrônico o quão importante – e lucrativo – é atender às necessidades dos consumidores omnichannel, comercializando produtos ou serviços disponíveis em vários canais, on-line e off-line.

2. Aceite chatbots com tecnologia AI

Procurando por uma vantagem competitiva eficaz? No mercado atual de um clique e sob demanda, onde os clientes esperam respostas imediatas e precisas 24 horas por dia, 7 dias por semana, o atendimento contínuo ao cliente ajudará muito a conquistar clientes e a retê-los. Para os comerciantes de comércio eletrônico, quando os negócios ficam agitados e é difícil acompanhar todos os comentários e solicitações, os chatbots, especialmente aqueles com tecnologia AI, são uma ótima solução.

3. Incorporar conteúdo de vídeo e marketing

Conteúdo de vídeo e marketing de vídeo estão em toda parte hoje. Como os consumidores em todo o mundo passam mais tempo assistindo a vídeos em computadores e dispositivos móveis, isso inevitavelmente se tornou um elemento importante no comércio eletrônico. Afinal, o vídeo é uma maneira atraente e divertida de engajar ativamente os consumidores e pode ser uma forma memorável de compartilhar a história de sua marca.

4. Prepare-se para a pesquisa por voz

Embora as pesquisas on-line por texto digitado continuem sendo o caminho do mundo, a pesquisa por voz está se tornando rapidamente a mais nova tendência tecnológica.

Atualmente, mais de 20% das consultas de pesquisa do Google feitas em dispositivos móveis são feitas por voz em oposição a texto digitado, e fontes prevêem que 50% de todas as pesquisas serão feitas por meio de voz até 2020. O avanço da pesquisa por voz e nossa crescente dependência apresentam oportunidades para os comerciantes de comércio eletrônico, especialmente quando se trata de palavras-chave de SEO e descrições de produtos que aparecem em seu site.

Agora é a hora de se concentrar no aprimoramento das descrições de seus produtos. Quanto mais atraentes e concisas forem, melhor soarão quando forem lidos em voz alta pela Alexa, pela Siri ou por outros assistentes virtuais. Você também deve usar palavras-chave de cauda longa, pois as consultas de voz tendem a ser mais longas do que as pesquisas digitadas.

O MKT CHALLENGE, possui uma proposta de reunir cases de marketing de empresas referência de mercado, para debater as particularidades de cada segmento. Por meio de “Jogos” de 20 minutos, o evento desafiará os expositores, a trazerem soluções práticas para as atuais problemáticas dos respectivos segmentos.

Local

Todos os direitos reservados – MKT Challenge 2019